"Fossies" - the Fresh Open Source Software Archive

Member "wine-6.0.1/documentation/README.pt" (7 Jun 2021, 8195 Bytes) of package /linux/misc/wine-6.0.1.tar.xz:


As a special service "Fossies" has tried to format the requested text file into HTML format (style: standard) with prefixed line numbers. Alternatively you can here view or download the uninterpreted source code file. See also the latest Fossies "Diffs" side-by-side code changes report for "README.pt": 6.0_vs_6.0.1.

    1 1. INTRODUÇÃO
    2 
    3 Wine é um programa que permite correr programas Microsoft Windows
    4 (incluindo DOS, Windows 3.x e Win32 executáveis) em Unix.
    5 Consiste num carregador (loader), que carrega e executa um binário
    6 Microsoft Windows, e uma livraria (chamada Winelib) que implementa
    7 Windows API calls usando o Unix ou X11 equivalentes. A livraria também
    8 pode ser usada para "porting" Win32 código para executáveis do nativo Unix .
    9 
   10 Wine é software grátis,autorizado segundo a GNU LGPL; ver o ficheiro
   11 LICENÇA para os detalhes.
   12 
   13 2.ARRANQUE RÁPIDO
   14 
   15 Sempre que se compila da source, é recomendado que se use o Wine
   16 Installer para construir e instalar o Wine. Desde a primeira directoria
   17 do Wine source (que contém este ficheiro),corre:
   18 
   19 ./tools/wineinstall
   20 
   21 Corre os programas conforme as "wine [options] program". Para mais
   22 informações e resoçução de problemas. Lê o resto deste ficheiro, a Wine
   23 man page, e especialmente a abundância de informação  encontrada em
   24 https://www.winehq.org.
   25 
   26 3.REQUERIMENTOS
   27 
   28 Para compilar e correr o Wine, deves ter o seguinte:
   29 
   30 		Linux version 2.0.36 ou superior
   31 		FreeBSD 5.3 ou seguinte
   32 		Solaris x86 2.5 ou seguinte
   33 		NetBSD-current
   34 
   35 Como o Wine requer sequências kernel-level para poder correr, apenas
   36 os sistemas operativos acima mencionados são suportados.
   37 Outros sistemas operativos que suportam sequências kernel, talvez
   38 venham a ser suportados no futuro.
   39 
   40 Linux info:
   41 Enquanto o Linux 2.2.x irá sobretudo trabalhar e Linux 2.0.x poderá
   42 irá contudo trabalhar (versões 2.0.x antigas tem mal funcionamento
   43 relacionados a tarefas), será muito melhor teres um kernel atualizado
   44 como 2.4.x.
   45 
   46 FreeBSD info:
   47 Wine deverá construir no FreeBSD 4.x e FreeBSD 5.x, mas versões anteriores
   48 a FreeBSD 5.3 geralmente não trabalham corretamente.
   49 
   50 Mais informações encontra-se em:
   51 ftp://ftp.freebsd.org/pub/FreeBSD/ports/ports/emulators/wine/
   52 
   53 
   54 Solaris info:
   55 Tu irás provavelmente ter que construir o Wine com as ferramentas GNU
   56 (gcc, gas, etc.). Aviso: ao instalar gas *não* assegura que será usado
   57 pelo gcc. Recompilar o gcc depois de instalar o gas ou symking cc, as e
   58 ld para as ferramentas gnu é dito que é necessário.
   59 
   60 NetBSD info:
   61 Certifica-te que tens as opções USER_LDT, SYSVSHM, SYSVSEM, e SYSVMSG
   62 ligadas ao teu kernel.
   63 
   64 File systems info:
   65 O Wine deverá correr na maioria dos file systems. Contudo, o Wine falha
   66 no aranque se umsdos é usado para a directoria /tmp. Alguns problemas de
   67 compatibilidades foram relatados estando a usar ficheiros acessados
   68 através do Samba. Também, como o NTFS apenas pode ser usado com
   69 segurança com acesso readonly por agora, nós não recomendamos o uso de
   70 NTFS. Como os programas de Windows precisam de acesso write em quase tudo.
   71 No caso de NTFS files, copia por cima para uma localização em que se
   72 possa escrever.
   73 
   74 Requisitos básicos:
   75 Tu precisas de ter instalados os fucheiros de include do X11 development
   76 (chamados xorg-dev em Debian e libX11-devel no RedHat).
   77 
   78 Requisitos para as ferramentas de construção:
   79 Em sistemas x86 o gcc >= 2.7.2 é requerido.
   80 Versões anteriores à 2.7.2.3 poderão ter problemas quando certos
   81 ficheiros são compilados com optimização, frequentemente devido a
   82 problemas relacionados com as gestôes dos cabeçalhos dos ficheiros.
   83 Actualmente o pgcc não trabalha com o Wine. A causa deste problema é
   84 desconhecida.
   85 
   86 Claro que também precisas fazer "make" (geralmente como o GNU make).
   87 
   88 Tu também necessitas do flex versao 2.5 ou superior e o bison.
   89 Se estiveres a usar RedHat ou Debian, instala os pacotes do flex e do bison.
   90 
   91 Bibliotecas de suporte opcionais:
   92 Se desejares suporte de impressão do CUPS, por favor instala os pacotes
   93 cups e cups-devel.
   94 
   95 4.COMPILAÇÃO
   96 
   97 No caso de escolheres não usar wineinstall, corre os seguintes comandos
   98 para contruir o Wine:
   99 
  100 ./configure
  101 make depend
  102 make
  103 
  104 Isto irá contruir o programa "wine" e numerosos suportes livraris/binarios.
  105 O programa "wine" irá carregar e correr executaveis do Windows.
  106 A livraria "libwine" ("winelib") pode ser usada para compilar e ligar
  107 Windows source code sob o Unix.
  108 
  109 Para ver as opções de compilação da configuração, faz ./configure -help.
  110 
  111 Para fazeres o upgrade de uma nova versão atravez de um ficheiro patch,
  112 primeiro cd para a directoria top da distribuição (a que contem este
  113 ficheiro README). A seguir faz um "make clean", e faz o patch da
  114 distribuição com:
  115 
  116 	gunzip -c patch-file | patch -p1
  117 
  118 onde "patch-file" é o nome do ficheiro patch ( qualquer coisa como
  119 Wine.yymmdd.diff.gz). Tu podes entao correr fazendo "./configure", e
  120 depois corre "make depend && make"
  121 
  122 5.SETUP
  123 
  124 Uma vez o Wine contruido correctamente, tu podes entao fazer o "make
  125 install"; isto irá instalar o wine executavel, o Wine man page, e alguns
  126 outros ficheiros necessários.
  127 
  128 Não esquecer de primeiro desinstalar qualquer previo conflito relativo a
  129 instalação do Wine.
  130 Tenta outro "dpkg -r wine" ou "rpm -e wine" ou "make uninstall" antes de
  131 installar.
  132 
  133 Ver https://www.winehq.org/support/ para informação sobre a
  134 configuraçao.
  135 
  136 No caso da livraria carregar erros (e.g. "Error while loading shared
  137 libraries: libntdll.so"), tem a certeza de adicionar o caminho da
  138 livraria para /etc/ld.so.conf e correr ldconfig como root.
  139 
  140 Para verificar a correcção do ambiente, tu precisas para que o Wine
  141 corra com sucesso, tu podes correr "./tools/winecheck | less".
  142 Tu irás obter uma percentagem do resultado indicando "Wine configuration
  143 correctness".
  144 Como este programa é alpha, ainda não correu um verdadeiro e exaustivo
  145 teste, onde, então deve ser levado apenas como um primeiro passo de
  146 verificação.
  147 
  148 Ver wine.confman page, como se muda apenas para o suporte em modo texto
  149 se desejado.
  150 
  151 6.CORRER PROGRAMAS
  152 
  153 Quando e invoca o Wine, tens que especificar o caminho (patch) complecto
  154 do executavel, ou apenas o nome do ficheiro.
  155 
  156 Por exemplo:  para correr o Solitário:
  157 	wine sol			(usando o searchpatch para lozalizar o ficheiro)
  158 	wine sol.exe
  159 
  160 	wine c:\\windows\\sol.exe	(usando um nome de ficheiro DOS)
  161 
  162 	wine /usr/windows/sol.exe	(usando um nome de ficheiro Unix)
  163 
  164 Nota: o caminho do ficheiro também irá ser adicionado ao caminho(patch)
  165 quando um nome complecto é fornecido na linha de comando.
  166 
  167 O Wine ainda não está complecto.então poderão vários programas
  168 quebrar(crash). Providenciamos-te bem para que o winedbg esteja
  169 correctamente e de acordo com a documentation/debugger.sgml, sera-te
  170 dado um detector de erros (debugger) para que possas investigar e
  171 corrigir os problemas.
  172 Para mais informação como em fazer isto ou aquilo, por favor lê o
  173 ficheiro documentation/debugging.sgml.
  174 
  175 Tu deves fazer um backup de todos os teus ficheiros importantes em que
  176 destes acesso ao Wine, ou usa uma especial cópia deles.tem havido casos
  177 de certos users que têm feito relatos de ficheiros corronpidos. Não
  178 corrar o Explorer, por exemplo, se não tiveres um backup próprio, que
  179 por vezes renomeia e estraga algumas directorias. Nem todos os MS apps
  180 como o e.g. Messenger são seguros, ao correrem o Explorer de alguma
  181 maneira. Este caso particular de corrupeçao (!$!$!$!$.pfr) podem ao
  182 menos parcialmente podem ser corrigidos usando
  183 http://home.nexgo.de/andi.mohr/download/decorrupt_explorer
  184 
  185 7.ARRANJAR MAIS INFORMAÇÃO
  186 
  187 www:	Uma grande quantidade de informação acerca do Wine está disponivel
  188         pelo WineHQ em https://www.winehq.org/ : varios guias Wine, base de
  189         dados de aplicações, localizaçao de erros. Isto é provavelmente o
  190         melhor ponto de começo.
  191 
  192 FAQ:	A Wine FAQ está localizada em https://www.winehq.org/FAQ
  193 
  194 Usenet:	Tu podes discutor tópicos relacionados de Wine e obter ajuda em
  195 	comp.emulators.ms-windows.wine.
  196 
  197 IRC:	Ajuda online está disponivel em #WineHQ on irc.freenode.net.
  198 
  199 
  200 Git:	O currente desenvolvimento do Wine está disponivel por Git.
  201 	Vai a https://www.winehq.org/git para mais informação.
  202 
  203 Mailing Lists:
  204 	Há algumas mailing list para responsaveis pelo desenvolvimento Wine; ver em
  205 	https://www.winehq.org/forums para mais informação.
  206 
  207 Se tu acrescentaste algo,ou corrigiste um bug, por favor envia um patch
  208 (em 'diff -u' format) para wine-devel@winehq.org lista para inclusão
  209 no próximo lançamento.