"Fossies" - the Fresh Open Source Software Archive  

Source code changes of the file "share/gretl_gui_fnref.pt" between
gretl-2020a.tar.xz and gretl-2020b.tar.xz

About: gretl (Gnu Regression, Econometrics and Time-series Library) is a cross-platform statistical package mainly for econometric analysis.

gretl_gui_fnref.pt  (gretl-2020a.tar.xz):gretl_gui_fnref.pt  (gretl-2020b.tar.xz)
skipping to change at line 901 skipping to change at line 901
<@var="Y"> (matriz) <@var="Y"> (matriz)
Divisão de números complexos. Os dois argumentos devem possuir o mesmo número de linhas, <@mth="n">, e devem possuir uma ou duas colunas. A primeira coluna cont ém a parte real e a segunda (se estiver presente) contém a parte imaginária. A f unção retorna uma matriz de ordem <@itl="n">×2 ou, caso não exista a parte imagi nária, um vetor com <@mth="n"> linhas. Ver também <@ref="cmult">. Divisão de números complexos. Os dois argumentos devem possuir o mesmo número de linhas, <@mth="n">, e devem possuir uma ou duas colunas. A primeira coluna cont ém a parte real e a segunda (se estiver presente) contém a parte imaginária. A f unção retorna uma matriz de ordem <@itl="n">×2 ou, caso não exista a parte imagi nária, um vetor com <@mth="n"> linhas. Ver também <@ref="cmult">.
# cdummify transforms # cdummify transforms
Resultado: lista Resultado: lista
Argumento: <@var="L"> (lista) Argumento: <@var="L"> (lista)
Esta função devolve uma lista em que cada série do argumento <@var="L"> que tenh a o atributo “codificado” é substituída por un conjunto de variáveis fictícias/d ummy que representam cada um dos seus valores codificados, mas omitindo o valor mais pequeno/menor. Se o argumento <@var="L"> não contém nenhuma série codificad a, o valor retornado vai ser idêntico ao argumento <@var="L">. Esta função devolve uma lista em que cada série do argumento <@var="L"> que tenh a o atributo “codificado” é substituída por un conjunto de variáveis fictícias/d ummy que representam cada um dos seus valores codificados, mas omitindo o valor mais pequeno/menor. Se o argumento <@var="L"> não contém nenhuma série codificad a, o valor retornado vai ser idêntico ao argumento <@var="L">.
As variáveis fictícias/dummy, se geradas, terão os nomes criados de acordo com o padrão <@lit="D"><@var=" nome-da-variável "><@lit="_"><@var="vi"> onde <@var="v i"> é o <@var="i">-ésimo valor representado da variável codificada. Caso alguns valores sejam negativos, será inserido “m” antes do valor (absoluto) de <@var="v i">. As variáveis fictícias/dummy, se geradas, terão os nomes criados de acordo com o padrão <@lit="D"><@var=" nome-da-variável "><@lit="_"><@var="vi"> onde <@var="v i"> é o <@var="i"><@itl="-ésimo"> valor representado da variável codificada. Cas o alguns valores sejam negativos, será inserido “m” antes do valor (absoluto) de <@var="vi">.
Por exemplo, supondo que <@var="L"> contém, uma série codificada chamada <@lit=" C1"> com valores –9, –7, 0, 1 e 2. Então, as variáveis dummy/fictícias geradas v ão ser <@lit="DC1_m7"> (que codifica quando C1 = –7), <@lit="DC1_0"> (que codifi ca quando C1 = 0), etc. Por exemplo, supondo que <@var="L"> contém, uma série codificada chamada <@lit=" C1"> com valores –9, –7, 0, 1 e 2. Então, as variáveis dummy/fictícias geradas v ão ser <@lit="DC1_m7"> (que codifica quando C1 = –7), <@lit="DC1_0"> (que codifi ca quando C1 = 0), etc.
Ver também <@ref="dummify">, <@ref="getinfo">. Ver também <@ref="dummify">, <@ref="getinfo">.
# ceil math # ceil math
Resultado: o mesmo tipo que o argumento Resultado: o mesmo tipo que o argumento
Argumento: <@var="x"> (escalar, série ou matriz) Argumento: <@var="x"> (escalar, série ou matriz)
Consiste na função teto. Retorna o menor inteiro que seja maior ou igual a <@var ="x">. Ver também <@ref="floor">, <@ref="int">. Consiste na função teto. Retorna o menor inteiro que seja maior ou igual a <@var ="x">. Ver também <@ref="floor">, <@ref="int">.
skipping to change at line 4446 skipping to change at line 4446
Retorna o menor valor na comparação entre <@var="x"> e <@var="y">. Se algum dos valores for ausente será retornado <@lit="NA">. Retorna o menor valor na comparação entre <@var="x"> e <@var="y">. Se algum dos valores for ausente será retornado <@lit="NA">.
Ver também <@ref="xmax">, <@ref="max">, <@ref="min">. Ver também <@ref="xmax">, <@ref="max">, <@ref="min">.
# xmlget data-utils # xmlget data-utils
Resultado: texto Resultado: texto
Argumentos: <@var="buf"> (texto) Argumentos: <@var="buf"> (texto)
<@var="path"> (texto ou cadeia de texto) <@var="path"> (texto ou cadeia de texto)
O argumento <@var="buf"> deve ser um buffer XML, que pode ser obtido de alguma p ágina na internet via função <@ref="curl"> (ou lida a partir de arquivo via funç ão ), e o argumento <@var="path"> deve ser uma especificação única ou um vetor d e especificações. O argumento <@var="buf"> deve ser um buffer XML, que pode ser obtido de alguma p ágina na internet via função <@ref="curl"> (ou lida a partir de arquivo via funç ão <@ref="readfile">), e o argumento <@var="path"> deve ser uma especificação ún ica ou um vetor de especificações.
Esta função retorna uma variável de texto (string) representando os dados encont rados no buffer XML no path especificado. Se múltiplos nós corresponderem com a expressão path, os itens dos dados são apresentados em linhas separadas no texto retornado. Se um vetor de paths for utilizado como segundo argumento, o texto r etornado assume a forma de um buffer separado por vírgulas, com a coluna <@mth=" i "> contendo as correspondências do path <@mth="i">. Nesse caso, se um texto ob tido do buffer XML contiver quaisquer espaços ou vírgulas ela ficará entre aspas duplas. Esta função retorna uma variável de texto (string) representando os dados encont rados no buffer XML no path especificado. Se múltiplos nós corresponderem com a expressão path, os itens dos dados são apresentados em linhas separadas no texto retornado. Se um vetor de paths for utilizado como segundo argumento, o texto r etornado assume a forma de um buffer separado por vírgulas, com a coluna <@mth=" i "> contendo as correspondências do path <@mth="i">. Nesse caso, se um texto ob tido do buffer XML contiver quaisquer espaços ou vírgulas ela ficará entre aspas duplas.
Por padrão um erro é sinalizado se <@var="path"> não encontrar correspondência n o buffer XML, mas esse comportamento é modificado se o terceiro argumento, que é opcional, for dado: nesse caso o argumento recupera o número de correspondência s e uma variável de texto vazia é retornada caso não haja correspondências. Exem plo: Por padrão um erro é sinalizado se <@var="path"> não encontrar correspondência n o buffer XML, mas esse comportamento é modificado se o terceiro argumento, que é opcional, for dado: nesse caso o argumento recupera o número de correspondência s e uma variável de texto vazia é retornada caso não haja correspondências. Exem plo:
<code> <code>
ngot = 0 ngot = 0
ret = xmlget(xbuf, "//some/thing", &ngot) ret = xmlget(xbuf, "//some/thing", &ngot)
</code> </code>
 End of changes. 2 change blocks. 
2 lines changed or deleted 2 lines changed or added

Home  |  About  |  Features  |  All  |  Newest  |  Dox  |  Diffs  |  RSS Feeds  |  Screenshots  |  Comments  |  Imprint  |  Privacy  |  HTTP(S)